quarta-feira, 2 de setembro de 2015

Zephyr





































The only one

Eu acabo sendo o único que opina e que não opina e o único com quem ninguém concorda.
O único é um estado meu. Ser único, ser sozinho. Aprendi a ser sozinho não sendo o único.
oh, o único que ficou
O único que ainda tenta, o único que faz isso, o único que acha que tá bom assim, o único que quer.
O único completo e incompleto, o único que terminou sem ter começado, que acabou sem ter recomeçado e o único que já recomeçou.
O único que espera.



nothing really matters

Um outro ano está aqui.
Está dentro de mim. Um universo está dentro de mim.
Experiência pode nos mudar muito. Nada realmente importa mais do que aquilo que vá te fazer feliz. Desculpe, mundo, mas eu não quero sua negatividade.
Nu em uma cadeira eu estou observando você.

Nada realmente importa, nada acaba importando quando vejo o quanto
já passou e não volta mais.
Nada mais importa quando eu quero que o novo venha.
Nada pode ser nem estar nem permanecer nem aparecer.
Deixei de permanecer, agora eu me importo.



Nenhum comentário: